A Escola c/ 3º CEB Cristina Torres vai ser alvo de obras de beneficiação no valor de um milhão e trezentos mil euros.

O contrato de empreitada foi assinado a 02 de junho, no Salão Nobre dos Paços do Município, entre o Município da Figueira da Foz e a empresa Nível 20 - Estudos, Projetos e Obras Lda., que se fez representar por Miguel Belo. A obra tem um custo de € 1.223.900,00 (IVA incluído) e um prazo de execução de 15 meses.

O principal objetivo desta intervenção, que o presidente da autarquia, Carlos Monteiro, considera “uma obra complexa, com cuidados e responsabilidades acrescidas” - uma vez que será realizada em simultâneo com a atividade letiva, é requalificar o estabelecimento de Ensino, renovando e modernizando os seus espaços, adequando-os às novas exigências de conforto e funcionalidade e, dessa forma, criar as melhores condições de Ensino/ aprendizagem.

O Diretor do Agrupamento de Escolas Figueira Norte, da qual a Escola Cristina Torres é escola sede, Maomede Cabrá, felicitou o presidente da autarquia pela sua visão estratégica relativamente à educação no concelho e enfatizou que “todo o investimento na educação é sempre bem-vindo e, obviamente, é sempre bem aplicado” e que aquele estabelecimento de Ensino irá “ficar muito beneficiado com a segunda fase desta obra”, assim como as suas infraestruturas e a sua eficiência energética.

Maomede Cabrá referiu ainda que a obra permitirá humanizar os espaços, o que trará “conforto a toda a comunidade escolar” e que a melhoria das condições se repercutirá desde logo na “melhoria das condições ensino/aprendizagem e vai potenciar, obviamente toda a responsabilidade da escola no serviço público e ajudar a transformar a Figueira da Foz num concelho educador.”

Recordamos que o estabelecimento de ensino já havia sido alvo de uma primeira intervenção, em 2017, no valor de mais de meio milhão de euros.

In https://www.facebook.com/municipio.figueiradafoz/ (texto com supressões)